65 99230 9678 | 65 3055 2070

CUIABÁ

Mulher

Leão: perfil completo do signo

Publicados

Mulher

Leão: perfil completo do signo
Matilde Freitas

Leão: perfil completo do signo

Leão é o quinto signo do zodíaco. Regido pelo Sol, o elemento dos leoninos é o Fogo e as pedras são Olho de Tigre e Rubi. O oposto complementar é Aquário, o aroma é tangerina, a cor é ouro amarelo e os números da sorte são 2, 3, 17, 18, 37 e 44. O brilho do Astro-Rei cai como uma luva para os leoninos. Eles são elegantes, autoconfiantes, exuberantes e amam tudo o que é luxuoso.

Quem são os leoninos?

Os leoninos são as pessoas nascidas no período entre 22 de julho e 22 de agosto.

Como são os leoninos?

Regidos pelo Sol, os nativos de Leão fazem bom uso desse brilho e se sentem os verdadeiros reis do zodíaco . “O leonino é um ser muito confiante, segue em busca do que acredita e gosta de ser valorizado e apreciado pelas pessoas. Costuma ser alegre, brincalhão, exuberante e criativo. Gosta de ter a atenção só para ele e possui uma autoconfiança admirável. Os nativos de Leão são ótimas companhias para festas e viagens, pois são animados e muito sociáveis. Precisam brilhar em tudo o que fazem e dificilmente gostam de ser ofuscados e contrariados”, explica a astróloga Bárbara Christan.​

Símbolo de Leão

O símbolo que representa o signo de Leão é o imponente animal leão, que representa força, coragem e liderança – características marcantes dos leoninos.

Características marcantes de Leão

Os nativos de Leão também são bons amigos, generosos, inteligentes, idealistas, decididos, afetuosos e estão sempre dispostos a ajudar. “No entanto, podem ser egoístas, exigentes, dramáticos, vaidosos e exagerados”, conta a astróloga Yara Vieira.

Os leoninos também sempre se esforçam para honrar a palavra e lutam pelo que acreditam. “Dificilmente você verá alguém do signo de Leão desrespeitando a lei ou sendo antiético. São pessoas que agem com muita fé e sinceridade, mas, às vezes, acabam sendo um tanto quanto teimosos”, explica a astróloga.

Ainda segundo Yara Vieira, o Sol em Leão traz características luxuosas. “Pessoas desse signo costumam gostar de objetos caros e que transmitem poder, como joias e carros. Também apreciam viagens para destinos disputados e extravagantes”, afirma.​

A mulher de Leão

Essa mulher está entre as mais empoderadas do zodíaco . “É forte e imponente, mostra ao mundo a que veio! É generosa e defende quem ama com unhas e dentes, como uma verdadeira leoa. Gosta de ser apreciada e busca sempre se colocar em primeiro lugar, afinal, amor-próprio é tudo”, descreve a astróloga Bárbara Christan. Além disso, essa mulher tem o poder de iluminar qualquer ambiente com a presença dela.

Se percebe uma leonina de longe! “Seu jeito de andar demonstra como é altiva, graciosa, discreta e majestosa. Gosta de tudo que pode mostrar ainda mais seu poder. Seu lugar favorito é aquele onde está rodeada de pessoas, para que possa ser admirada. Adora uma vida bem agitada, cheia de cerimônias, festas e banquetes”, conta Yara Vieira.​

Como conquistar uma leonina?

A leonina gosta de ser tratada como uma verdadeira rainha. Reconhecer o potencial dela já é um grande passo para que ela te note. “Elogiá-la sempre é a melhor forma de conseguir sua atenção. Se quer um relacionamento sério e longo, seja fiel e leal a ela. Para surpreendê-la com presentes, dê coisas que brilham, como pedras preciosas , ouro e roupas de grife”, aconselha a astróloga Yara Vieira. Elas também apreciam pessoas divertidas, inteligentes e confiantes.​

O homem de Leão

Esse homem esbanja autoconfiança e adora ser o centro das atenções. “Tem garra para conquistar o que deseja! Gosta de estar em boa companhia e de se divertir com os amigos. Tende a ser mais competitivo e aprecia estar sob os holofotes. Luta por uma boa posição social, é muito vaidoso e ligado à aparência.”, explica Bárbara Christan.

Mas o leonino também possui suas fragilidades e pode ser ciumento e dramático. “Apesar de apresentar uma autoestima elevada, o homem deste signo tem um pouco de insegurança. Ele procura a aprovação dos outros o tempo todo. Porém, jamais será arrogante”, conta Yara Vieira.

Além disso, o homem do signo de Leão é simpático, comunicativo e divertido. “Ele sabe usar bem suas qualidades para conseguir a atenção que tanto deseja e despertar carinho nas pessoas que o cerca”, analisa a astróloga.​

Como conquistar um leonino?

Segundo Yara Vieira,o leonino gosta de atenção e adora receber carinho. “Essa é a principal dica para quem deseja conquistar o coração desse nativo. Ele valoriza muito o romantismo. Criatividade e autoestima também são importantes para o homem de Leão”, complementa.

Fonte: IG Mulher

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mulher

O desafio de permanecer no mercado de trabalho depois dos 50

Publicados

em

O mercado de trabalho não costuma ser amigável com profissionais de meia-idade
Marcos Santos/USP Imagens – 19.02.2016

O mercado de trabalho não costuma ser amigável com profissionais de meia-idade

Experiência, conhecimento na área, tempo de trabalho. Nada disso conta na decisão da maior parte das empresas na hora de escolher qual funcionário ou funcionária demitir para diminuir perdas, aumentar lucros ou, simplesmente, atingir metas. A partir dos 50 anos nos tornamos presas fáceis na hora do corte de vagas. Por isso, é cada vez mais comum vermos pessoas como nós engordando as estatísticas do desemprego no Brasil. Se por um lado somos jovens para a aposentadoria, por outro somos velhos (e caros) para o emprego formal.

Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho, mostram que apenas a faixa etária de 50 anos e mais apresentou saldo negativo nos dois anos de pandemia de Covid-19. Em 2020, foram fechados quase 500 mil postos de trabalho ocupados por pessoas 50+. Enquanto em 2021 os dados começaram a melhorar para as outras faixas etárias, a nossa seguiu negativa com o fechamento de outros 76 mil vagas.

“A decisão das empresas é meramente econômica”, explica o gerontólogo Jorge Félix, professor da Universidade de São Paulo (USP) e especialista em economia da longevidade. Um fator muito relevante nesta escolha, destaca, é o plano de saúde, que passa a ser mais usado a partir da meia-idade.

A ÚNICA ALTERNATIVA

A fragilização da segunda metade da carreira é um fenômeno do mundo globalizado. Segundo Jorge Félix, os países escandinavos resolveram melhor essa questão adotando uma legislação rígida para o mercado de trabalho. Entre as medidas implementadas pelos governos da Suécia, Noruega e Dinamarca estão a adoção de incentivos fiscais para empresas que mantêm empregados por mais tempo e limitações na rotatividade.

O cenário atual em um país como o Brasil é desafiador não apenas para governo e formuladores de políticas públicas, mas também para cada uma de nós. Mesmo os que já conseguiram se aposentar, como eu, não querem e, na maioria das vezes, não podem parar de trabalhar. Por isso, é necessário pensar no que fazer daqui por diante, caso você seja ou já tenha sido a bola da vez no corte anunciado pela empresa na qual trabalha ou trabalhou.

“Não tem saída”, diz Jorge Félix. “As pessoas vão ter que continuar estudando, se qualificando. Se a gente não se qualificar cada vez mais será mais difícil”, aconselha o professor da USP.

Esse é o momento, minha gente, de pensar em algo que você sempre quis fazer e nunca encontrou tempo para colocar em prática. Matricule-se naquele curso rápido, improvise, ouse. Atualize-se! Quem sabe assim, mesmo desempregada, você consegue continuar pagando a contribuição do INSS e as contas do mês que nunca param de chegar.

Assista à minha conversa com o professor Jorge Félix no Pirações da Meia-Idade.


Fonte: IG Mulher

Continue lendo

MAIS LIDAS