65 99230 9678 | 65 3055 2070

CUIABÁ

CARROS E MOTOS

Ford Focus sai de linha em 2025 e não terá um sucessor

Publicados

CARROS E MOTOS

source


Ford Focus será o último modelo produzido na fábrica da Ford na Alemanha, conforme a própria fabricante
Divulgação

Ford Focus será o último modelo produzido na fábrica da Ford na Alemanha, conforme a própria fabricante

A Ford da Europa comunica que não dará mais sobrevida ao Focus. Portanto, o fim da sua produção acontecerá em 2025, conforme uma entrevista à imprensa do chefe da marca americana, Stuart Rowley.

Dessa forma, a saída definitiva do modelo não terá direito a um sucessor direto e acontecerá após quase 30 anos do lançamento da primeira geração. A afirmação do executivo também deve significar o fim da produção da Ford na fábrica de Saarlouis, na Alemanha.

 “Estamos buscando outras oportunidades alternativas para a produção de veículos em Saarlouis, incluindo [venda para] outros fabricantes. Não temos em nosso ciclo de planejamento um modelo adicional que vá para Saarlouis”, disse Stuart Rowley, chefe da Ford Europa.

A explicação da decisão da fabricante se deve ao programa estratégico de eletrificação da marca e o anúncio veio em uma época turbulenta com vendas em baixa em todo o mercado europeu atrelada à produção reduzida em consequência da crise dos semicondutores que anda castigando o mercado global, incluindo o Brasil.

Aliás, por aqui, o hatch médio deixou de ser vendido em 2019 sem direito a um sucessor, devido à queda deste segmento nos últimos anos. Além dele, outros modelos concorrentes tiveram o mesmo fim como o Fiat Bravo, Volkswagen Golf e Peugeot 308 . O único remanescente hoje é o Chevrolet Cruze.

O executivo afirmou que com o fim da fábrica da Ford na Alemanha, haverá cortes de empregos ‘significativos’ na unidade, que atualmente emprega cerca de 4.600 pessoas , justificando que a produção de veículos elétricos exigirá menos trabalhadores.

Saarlouis perdeu para a unidade de produção da Ford em Valência, Espanha, para montar veículos na nova plataforma global de EV planejada da empresa, começando no final desta década.

A Ford não deu nenhuma pista se os futuros veículos elétricos a serem fabricados na planta espanhola  serão menores ou maiores do que o crossover compacto que entrará em produção em Colônia, Alemanha, em 2023 na plataforma MEB do Grupo Volkswagen.

A Ford emprega atualmente 6.000 funcionários em Valência. No geral, a marca emprega 41.000 pessoas na Europa, mas vem reduzindo seu número de funcionários enquanto tenta levar a região de volta a uma lucratividade consistente após anos de perdas.

Fonte: IG CARROS

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

CARROS E MOTOS

Saiba tudo sobre o carro elétrico que Gil do Vigor deu para sua irmã

Publicados

em

source


Caoa Chery iCar tem autonomia estimada em 282 km. de acordo com dados da marca chinesa
Divulgação

Caoa Chery iCar tem autonomia estimada em 282 km. de acordo com dados da marca chinesa

A Caoa Chery  lança seu primeiro subcompacto elétrico no Brasil, o iCar com motorização 100% elétrica da marca. Importado da China, onde é vendido há cinco anos, está em sua quarta geração, já teve mais de 200 mil unidades vendidas. Logo que o carro chegou ao Brasil, o ex-BBB Gil do Vigor resolveu presentear a irmã com o modelo .

Gil do Vigor resolveu caprichar no presente para sua irmã. Nesta sexta-feira (24), Juliana ganhou um carro elétrico branco
Reprodução

Gil do Vigor resolveu caprichar no presente para sua irmã. Nesta sexta-feira (24), Juliana ganhou um carro elétrico branco


Para garantir leveza, a Caoa incorporou ao hatch elétrico alguns compoentes de alumínio de aviação com polímeros de alta resistência. A empresa explica que isso garante economia na produção, resistência às diversas condições climáticas e 20% a 30% mais leve em relação às carrocerias em aço.

Antes de chegar, o iCar teve a suspensão reforçada, além de adaptações no motor. Sua bateria tem com capacidade total de 30,8 kWh, com sete estágios de regeneração de energia, e o motor com potência de 45 kW (61 cv) e torque de 15,3 kgfm . A autonomia é de 282 km.

Segundo a fabricante chinesa , a bateria pode ser carregada em apenas 36 minutos em estações de carga rápida (eletropostos), em pelo menos cinco horas em sistema de carregamento portátil e em onze horas com cabo emergencial em tomada de três pinos.

Equipado com kit de reparo de pneus, o Caoa Chery iCar traz ainda cabo portátil de carregamento de emergência – 220V / 20ª , além de monitor de pressão e temperatura dos pneus, câmera traseira e sensor de estacionamento, controle de estabilidade e freio eletrônico AutoHold, entre outros itens.

Na parte interna, o iCar traz painel de Instrumentos é em LCD, digital e colorido e a multimídia de 10,25” e tela colorida sensível ao toque. Os bancos dianteiros possuem regulagem elétrica, volante multifuncional, além de duas entradas USB e carregamento de celular wireless.

De acordo com a Caoa Chery , o iCar será comercializado no mercado brasileiro em versão única por R$139.990 . Trata-se do modelo elétrico mais em conta disponível no Brasil hoje em dia. Custa menos que o Renault Kwid e-Tech (R$ 142.990).

O Caoa Chery iCar é menor que um  Fiat Mobi  ou  Renault Kwid  (3,68 m ante 3,20 m do Caoa Chery). Apesar de pequeno, o modelo traz o visual do eQ1 chinês, mas com algumas diferenças, como as luzes de neblina em formato redondo, ao invés do vertical do modelo chinês.

O elétrico da Caoa Chery também traz a configuração 2+2, com os assentos traseiros sendo bem pequenos, mas conta com teto panorâmico, assistente de partida em rampa e de descida.

Além disso, o  iCar  ainda traz controle de ar-condicionado no volante, 7 configurações de regeneração de baterias, suspensão independente, freios a disco nas quatro rodas. O porta-malas é de apenas 100 litros, mas pode ser expandido para 380, caso os bancos traseiros sejam rebatidos, entre outros itens.

Fonte: IG CARROS

Continue lendo

MAIS LIDAS