65 99230 9678 | 65 3055 2070

CUIABÁ

BRASIL

Após prévias, Doria é aconselhado a não disputar comando do PSDB

Publicados

BRASIL


source
Após prévias, Doria é aconselhado a não disputar comando do PSDB
Reprodução

Após prévias, Doria é aconselhado a não disputar comando do PSDB

Após vencer as prévias num processo marcado por uma guerra interna, o  governador de São Paulo, João Doria, tem sido aconselhado a unir o partido e evitar a disputa da presidência do PSDB, em maio.

Uma das possibilidades sob avaliação nos bastidores é a prorrogação do mandato do presidente nacional, Bruno Araújo, além de todos os chefes de diretórios municipais e estaduais.

A ideia seria evitar um novo racha que pudesse refletir na candidatura de Doria, já que ele está focado em agendas positivas e aposta na redução de sua rejeição e na melhora da avaliação de seu governo em São Paulo.

Uma reunião da executiva nacional do partido deve discutir o assunto na quinta-feira da semana que vem, quando será feita uma avaliação da situação da sigla nas disputas estaduais.

Leia Também

Nas duas últimas eleições, o ex-governador Geraldo Alckmin e o deputado Aécio Neves concorreram à Presidência da República enquanto comandavam o partido.


Caso Doria optasse por esse caminho, tucanos experientes avaliam que o partido poderia mergulhar numa nova crise interna.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

BRASIL

Mourão sobre Braga Netto ser vice: ‘Bolsonaro gosta do trabalho dele’

Publicados

em

source
Vice-presidente, Hamilton Mourão
MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL

Vice-presidente, Hamilton Mourão

O vice-presidente Hamilton Mourão afirmou nesta segunda-feira que o presidente Jair Bolsonaro escolheu o ex-ministro Walter Braga Netto como candidato a vice para sua campanha à reeleição porque “gosta do trabalho dele”.

No domingo, Bolsonaro afirmou que deve “anunciar nos próximos dias” que Braga Netto será seu vice.

Para Mourão, a escolha não tem a ver com uma tentativa de conseguir o voto dos militares, já que o presidente já teria uma base consolidada nesse grupo. Tanto Mourão como Braga Netto são generais da reserva.

“Dentro do grupo militar o presidente já tem a base dele bem estabelecida. Mas o Braga Netto é, vamos dizer assim, é uma questão que o presidente gosta do trabalho dele.”

O vice-presidente disse que não tem mágoa pelo fato de Bolsonaro não o querer novamente como companheiro de chapa. Mourão deverá ser candidato ao Senado no Rio Grande do Sul.

“O presidente ele tem o livre arbítrio de escolher quem ele acha mais apropriado para o projeto de reeleição. E o Braga Netto vai agregar aí aquilo que ele acha que necessita.”

Mourão também disse que não pode afirmar se a decisão de Bolsonaro configura uma derrota do Centrão, já que não sabia se havia a preferência por outra pessoa. Nos bastidores, havia uma defesa da ala política da campanha para que a ex-ministra Tereza Cristina ocupasse o posto.

“Não sei, não sei qual era, se havia essa pressão realmente para que fosse outra pessoa candidata a vice. Não sei, não posso dizer isso.”

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo. Siga também o  perfil geral do Portal iG.

Continue lendo

MAIS LIDAS